33.9 C
Juruá
sexta-feira, agosto 12, 2022

Endividados: quase metade dos adultos acreanos está com nome sujo, diz pesquisa

Por redação.

Dados da Serasa Experian mostram que quase metade dos adultos acreanos está com nome sujo. 44,1% desse público está afetado em grande parte pelo desemprego e as crises econômicas que afetam o orçamento familiar.

O percentual coloca o Acre em 8º lugar no ranking dos estados com maior número de inadimplentes.

Uma pessoa é considerada inadimplente a partir do momento em que não consegue pagar uma conta até a data do vencimento, mas ela só entra nas estatísticas da Serasa quando a empresa comunica que a conta não foi paga.

A partir daí, o Serasa encaminha comunicação para o devedor, dando um prazo de dez dias para resolver essa situação, passado esse prazo, seu nome será negativado.

Um estudo da área de análises de informações da Serasa Experian mostra o mais atualizado perfil do inadimplente brasileiro.

  • Os homens são maioria, com 50,9% dos inadimplentes;
  • As pessoas que ganham de 1 a 2 salários mínimos é a mais atingida (39,1%), seguida dos que ganham até 1 salário mínimo (38,8%);
  • A maioria dos inadimplentes possui apenas uma dívida (37,3%). Mas 30,7% dos consumidores negativados possuem quatro dívidas ou mais;
  • 19,4% dos inadimplentes têm idade entre 41 e 50 anos. Em segundo no ranking estão os jovens de 18 a 25 anos (14,9% do total).

Veja o ranking nacional:

  1. AM — 51,8%
  2. RJ — 49,6%
  3. AP — 49,3%
  4. DF — 49,2%
  5. MT — 47,7%
  6. RR — 47,5%
  7. MS — 45,3%
  8. AC — 44,1%
  9. SP — 43,5%
  10. RO — 42,3%
  11. TO — 42,2%
  12. ES — 41,5%
  13. PE — 41,5%
  14. SE — 41%
  15. GO — 40,4%
  16. CE — 40,3%
  17. RN — 39,9%
  18. PR — 39,7%
  19. MA — 38,4%
  20. MG — 38,3%
  21. PB — 37,9%
  22. BA — 37,2%
  23. PA — 37,1%
  24. AL — 36,8%
  25. RS — 36,3%
  26. SC — 34,8%
  27. PI — 33,6%
  • POR NANY DAMASCENO, DO CONTILNET.
error: Alert: O conteúdo está protegido !!