33.9 C
Juruá
sexta-feira, agosto 12, 2022

Preso monitorado corta tornozeleira eletrônica, se arrepende, liga para a polícia e se entrega no Acre

Por redação.

Um homem de 39 anos, que se tornou foragido da Justiça após cortar o equipamento de monitoramento eletrônico, se arrependeu do feito e acionou a polícia para se entregar. O caso inusitado aconteceu na noite de quarta-feira, 3, em Rio Branco/AC.

Segundo a Polícia Militar, o detento acionou a polícia por meio do 190, explicou a situação e informou o endereço onde estava. Ele aguardou no local até a chegada de uma guarnição, que o conduziu à Delegacia de Flagrantes (Defla) para os procedimentos cabíveis.

Segundo levantamento da polícia, ele foi condenado pelo feminicídio da esposa, em 2019 e, após cumprir parte da pena no Complexo Penitenciário de Rio Branco, ganhou o benefício de responder o regime semiaberto, com monitoramento eletrônico.

Apesar do benefício, ele cortou a tornozeleira, mas acabou se arrependendo e se entregou.

  • Fonte: A Gazeta do Acre.
error: Alert: O conteúdo está protegido !!