24 C
Juruá
terça-feira, abril 23, 2024

Polícia prende membros de organização criminosa que aplicava golpes no Acre

Por redação.

- Publicidade -

Um grupo com 15 suspeitos de aplicar o golpe do “novo número” foi preso nesta terça-feira (25). Entre as 31 vítimas identificadas, há pessoas do Acre.

De acordo com a Polícia Civil, os prejuízos causados pelo grupo foram de mais de R$ 200 mil. As prisões foram realizadas em Goiás, Tocantins e Piauí. Além das prisões, foram cumpridos 30 mandados de busca e apreensão.

Os suspeitos entravam em contato com as vítimas dizendo ser parente ou amigo próximos, informando que havia mudado de número de telefone. A partir daí, informava que estava com dificuldades para efetuar pagamentos e solicitavam transferências bancárias.

Além do Acre, a polícia identificou vítimas de Goiás, Bahia, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Alagoas e de São Paulo.

As investigações iniciaram em agosto de 2022, quando a Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic) iniciou a “Operação Mirum”, voltada à repressão de organizações Criminosas especializadas no golpe do novo número.

  • Fonte: Contilnet.
- Publicidade -
Copiar