25.6 C
Juruá
terça-feira, abril 23, 2024

Acreana é morta a facadas na Bolívia; marido foi preso

Por redação.

- Publicidade -

Uma brasileira de 32 anos foi morta a facadas na Bolívia, na madrugada de sábado (6), segundo as autoridades locais. O marido dela é o principal suspeito do crime e foi preso, de acordo com o Ministério Público boliviano.

O crime aconteceu na cidade de Cobija, que fica na fronteira com o Brasil. A mulher, identificada como Janaína Menezes da Costa, tinha família em Brasiléia (AC), a 230 km de Rio Branco. Brasiléia e Cobija são cidades vizinhas, ligadas por uma ponte.

O Ministério Público boliviano disse que o marido de Janaína, que tem 38 anos, procurou a polícia para confessar o crime. As autoridades acreditam que a vítima tenha sido morta após uma discussão.

O suspeito responderá por feminicídio, de acordo com as autoridades locais.

A Prefeitura de Brasiléia divulgou uma nota lamentando a morte de Janaína. O comunicado informa que a vítima deixa três filhos.

  • Fonte: g1 AC.
- Publicidade -
Copiar