24.1 C
Juruá
sexta-feira, abril 19, 2024

Edvaldo sai em defesa dos auxiliares de necropsia e cobra pagamento imediato do adicional de insalubridade

Por Assessoria.

- Publicidade -

O deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB) defendeu que o governo do Acre pague o adicional de insalubridade aos auxiliares de necropsia da Polícia Civil do Acre. O parlamentar lembrou que há pareceres favoráveis ao pagamento deste direito a estes trabalhadores.

“O estado já disse: ‘eles têm direito à insalubridade’. Do ponto de vista administrativo, o governo decidiu que eles têm direito e o pagamento deveria ter sido feito em dezembro. Sabe quanto custa? R$ 30 mil por mês. Se eu apresentasse aquela tabelinha aqui de novo só dos cargos comissionados, nós já passamos mais dos R$ 20 milhões por ano de nomeações”, disse.

E acrescentou: “Mas, esses auxiliares, estão a depender de entrar na folha de um processo concluso porque tem direito desde o mês de dezembro. O apelo que eu faço é que se pague, inclusive com retroativo ao mês de janeiro”, defende.

- Publicidade -
Copiar