23.7 C
Juruá
domingo, abril 21, 2024

Lula determina retirada das grades do Planalto após dez anos, enquanto governo aluga 124 km de cercas de proteção

Por O Globo.

- Publicidade -

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva determinou a retirada das grades do Palácio do Planalto nesta quarta-feira, depois de cerca de dez anos com a sede do Executivo federal cercada pelo isolamento de segurança. A decisão ocorre uma semana após o governo abrir uma licitação para contratar uma empresa responsável pela instalação de até 62 mil alambrados de proteção, totalizando aproximadamente 124 km de cercas.

Essa é a maior contratação de grades desde 2017, segundo o edital do pregão. O gasto previsto é de até R$ 968 mil. Em 2019, primeiro ano do governo Jair Bolsonaro (PL), por exemplo, foram contratados 40 km. Já no ano passado foram 92 km. A abertura do pregão feita pelo Gabinete de Segurança Institucional (GSI) foi publicada pelo jornal Estado de S. Paulo e confirmada pelo GLOBO.

De acordo com a justificativa do edital, a contratação das proteções se devem aos “atuais acontecimentos na política do país e a intensificação da polarização de posicionamento partidário e a previsão de ocorrência de manifestações na área central de Brasília”.

- Publicidade -
Copiar