24 C
Juruá
sexta-feira, abril 12, 2024

Petecão diz que é contra renúncia de Marfisa da vice-prefeitura para não prejudicar partido

Por redação.

- Publicidade -

Parece que a possibilidade de Marfisa Galvão renunciar ao cargo de vice-prefeita não é assunto unânime na casa do Senador Sérgio Petecão (PSB).

Nesta quinta-feira, 11, Marfisa Galvão confirmou que tem conversado com aliados nos últimos dias e que já tomou a decisão, caso seja convidada pelo governador Gladson Cameli, de renunciar ao cargo de vice-prefeita.

No entanto, seu esposo, o Senador Sérgio Petecão (PSD) disse ao ac24horas que não concorda com a possibilidade de renúncia. Apesar do rompimento das relações políticas com Bocalom, Petecão, em breve declaração, disse que não concorda, já que, caso aconteça, pode prejudicar o partido. “É preciso ter muita calma neste momento, mas não concordo com a renúncia. Isso não é bom para o partido”, disse Petecão.

Marfisa Galvão deixou claro em declaração ao ac24horas que sua renúncia só depende de um convite oficial de Gladson para que ela assuma uma secretaria estadual.

“Eu passei esses dias refletindo, conversando com amigos, com pessoas do governo e me decidi. Se for a vontade do governador Gladson Cameli, eu vou sem olhar para trás, porque eu sei que no governo eu vou ter condições de trabalhar, que é o que quero”, afirma.

As relações entre Bocalom e Petecão, que foi o principal apoiador durante a eleição do atual prefeito de Rio Branco, começaram a se desgastar no último pleito eleitoral, quando Petecão foi candidato ao governo. Nas últimas semanas, os dois trocaram acusações durante entrevistas ao Bar do Vaz. Enquanto Petecão acusou o prefeito de desonestidade política, Bocalom afirmou que o senador tem como projeto político atual ressuscitar a Frente Popular do Acre.

  • Fonte: AC24horas.
- Publicidade -
Copiar