25.6 C
Juruá
terça-feira, abril 23, 2024

Debate em Belém com ONU e BID terá financiamento para a Amazônia como tema

Por Redação O Juruá em Tempo.

- Publicidade -

Discutir inovação, bioeconomia e agronegócio sustentável, com foco no financiamento para a Amazônia, será o objetivo do debate da Associação Brasileira de Desenvolvimento (ABDE), que será realizado na próxima quarta-feira (28), das 9h às 17h20, de forma presencial, no auditório do Banco da Amazônia, em Belém.

O encontro reunirá o representante do BID, Eduardo Sierra, o Oficial de Parcerias e Financiamento da Organização das Nações Unidas (ONU) no Brasil, Haroldo Machado, e o secretário de Estado na Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Pará, Mauro O’ de Almeida, com os presidentes do Banco da Amazônia, Luís Cláudio Lessa, e do Banpará, Ruth Mello.

O presidente da ABDE, Celso Pansera, abrirá o evento. A associação reúne 34 instituições financeiras no Sistema Nacional de Fomento (SNF). O debate faz parte do terceiro seminário pré-Fórum do Desenvolvimento ABDE 2023, que será realizado, em agosto, em Brasília, reunindo as principais autoridades do país em torno da pauta de fomento.

Segundo levantamento da associação, a carteira de crédito das instituições financeiras públicas e privadas que atuam na região da Amazônia Legal totalizou R$ 529,8 bilhões em dezembro de 2022, o que representa aproximadamente 9% do total do Sistema Financeiro Nacional.

De acordo com a ABDE, houve evolução do crédito para a região desde 2017, com destaque para o crescimento acentuado especialmente após a crise da Covid-19. Desde 2019, a carteira de crédito para a região da Amazônia Legal cresceu 78%, representando R$ 232 bilhões de recursos adicionais para a região.

Com informações da Assessoria de Imprensa da ABDE.

- Publicidade -
Copiar