23.1 C
Juruá
domingo, maio 26, 2024

Governo do Acre lança a campanha Respire Vida: Combata as Queimadas e o Desmatamento

Por Agência de Notícias do Acre.

- Publicidade -

O governo do Acre, por meio da Secretaria do Meio Ambiente e das Políticas Indígenas (Semapi) e o Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac), lançou neste domingo, 30, a campanha Respire Vida: Combata as Queimadas e o Desmatamento.

Campanha contra as queimadas e o desmatamento. Arte/Bruno Damasceno.

A campanha é uma integração entre todos os órgãos ligados ao meio ambiente e objetiva a cooperação entre as distintas instituições do Estado no combate aos ilícitos ambientais. A ação elenca várias peças informativas e, neste primeiro momento, foram abordadas as informações de obrigações legais sobre crimes e multas ambientais.

O estado já havia publicado o decreto de emergência ambiental no início deste mês, válido de julho a dezembro deste ano, para 10 municípios do Acre sendo eles: Acrelândia, Brasileia, Bujari, Cruzeiro do Sul, Feijó, Manoel Urbano, Sena Madureira, Tarauacá, Rio Branco e Xapuri.

Campanha contra queimadas e desmatamento. Arte/Bruno Damasceno.

A secretária do Meio Ambiente e das Políticas Indígenas, Julie Messias, explicou que no momento a secretaria está reforçando as ações para o enfrentamento do desmatamento e queimadas. Ela agradeceu ainda a atuação e unificação dos demais órgãos e instituições.

“Essa foi uma missão que o governador Gladson Cameli passou, unificar as forças para o devido combate aos ilícitos ambientais, e é isso que estamos fazendo. Reunimos o Comitê Integrado de Meio Ambiente, a partir dele subsidiamos o decreto de emergência ambiental, lançamos a força-tarefa pela proteção ambiental, e estamos com nossa sala de situação ativa”, explicou Julie.

A gestora falou ainda que desde o início do ano estão sendo realizadas ações de educação ambiental e mutirões de regularização ambiental nos municípios.

“Nossas ações são orientadas pelo Plano Estadual de Prevenção e Controle do Desmatamento do Acre (PPCD/AC). Isso mostra o nosso empenho em atuar fortemente não apenas nesse período considerado crítico, mas em todos os períodos para chegarmos a resultados ainda melhores do que no primeiro semestre quando tivemos redução de 66% nos alertas de desmatamento e 65% nos focos de queimadas”.

Campanha contra as queimadas e o desmatamento. Arte/Bruno Damasceno.

O comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Charles Santos, reafirmou o compromisso da corporação em atuar fortemente no enfrentamento aos ilícitos ambientais. “Já estamos em campo e atuando, pretendemos apresentar um plano de resposta em relação aos incêndios ambientais, bem como do desmatamento. Estamos atuando tanto na parte da prevenção quanto de combate para que as ações integradas sejam reforçadas ainda mais”.

Entre os órgãos, secretarias e instituições que fazem parte do combate aos ilícitos estão: Casa Civil, Secretaria de Governo (Segov), Programa REM Acre, Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Acre (CBMAC), Ministério Púbico do Acre (MP-AC), Defesa Civil Estadual, Instituto de Mudanças Climáticas (IMC), Batalhão de Políciamento Ambiental (BPMAC), Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Centro Integrado de Operações Aéreas do Acre (Ciopaer), Grupo Especial de Operações em Fronteira (Gefron), Polícia Militar do Acre (PMAC) e Batalhão de Policiamento Ambiental (PMAC-BPA).

campanha contra as queimadas e desmatamento. Arte/Bruno Damasceno.
- Publicidade -
Copiar