22.6 C
Juruá
terça-feira, maio 21, 2024

Mortes no presídio devem desencadear onda de execuções no lado de fora

Por Redação

- Publicidade -


As mortes ocorridas no presídio Antônio Amaro Alves, em Rio Branco, devem desencadear uma nova onda de execuções entre as facções Bonde dos 13 e Comando Vermelho. O Ecos da Notícia apurou que dos mortos pelo menos 5 corpos que as autoridades devem confirmar mais tarde, a maioria seria de membros do B13.

Regiões da Cidade do Povo e Belo Jardim, onde o confronto entre esses dois grupos é intenso, começam a registrar um movimento atípico. Moradores que não tem nada a ver com a guerra entre as organizações criminosas começam a ligar para parentes informando para chegarem em casa mais cedo, se precavendo de confrontos que podem resultar em mais mortes do lado de fora da unidade prisional.

Em contrapartida, o governo anunciou que a segurança nos presídios foi reforçada com o incutido de evitar novos motins.

O promotor Tales Tranin, do Ministério Público, informou que os detentos começaram a largar as armas e se entregarem gradativamente. A expectativa é que com a entrada dos peritos do Instituto Médico Legal, os dados oficiais sejam divulgados.

Com informações Ac24horas

- Publicidade -
Copiar