30.1 C
Juruá
quarta-feira, junho 12, 2024

Governo disponibiliza R$ 2,1 milhões do Fundo Estadual de Cultura para vários segmentos

Por Agência de Notícias do Acre.

- Publicidade -

O governo do Acre, por meio da Fundação de Cultura Elias Mansour (FEM), lançou, na última quinta-feira, 27, quatro editais do Fundo Estadual de Cultura, no valor de R$ 2,1 milhões, que vão abranger artistas de vários segmentos. A solenidade, comandada pelo presidente da FEM, Minoru Kinpara, reuniu autoridades, fazedores de cultura e representantes da sociedade civil.

Editais foram publicados nesta segunda-feira. Foto: Cristian Raphael/FEM

Os quatro editais foram publicados no Diário Oficial do Estado (DOE) nesta segunda-feira, 31, e estabelecem os critérios de seleção, bem como os prazos e valores disponíveis para cada segmento.

“Estamos em um momento muito importante da nossa história, numa construção participativa e coletiva das nossas ações, e isso, além de fortalecer o diálogo, aumenta o respeito com todos os fazedores de cultura do nosso estado”, destaca Minoru.

Editais de cultura vão beneficiar artistas em todos os municípios do Acre. Foto: Cristian Raphael/FEM

Os editais disponibilizam recursos em caráter de urgência aos artistas. O edital para a seleção de projetos nas Áreas de Arte, Patrimônio Cultural e Humanidades, destinados à Produção, Formação, Divulgação, Circulação e Intercâmbio que contribuam para o desenvolvimento artístico-cultural dos 22 municípios é o que disponibiliza a maior parte dos recursos, no valor total de R$ 1 milhão.

O prêmio de Mestres da Cultura Popular contemplará 30 projetos com R$ 10 mil, cada. Já o Prêmio de Fortalecimento da Cultura Indígena contemplará 40 propostas, no valor de R$ 12,5 mil, cada. O Edital de Incentivo Direto à Cultura direcionado a Entidades Culturais vai premiar cinco projetos de até R$ 60 mil.

O evento foi prestigiado pela presidente do Conselho Estadual de Cultura (Concultura), Flávia Burlamaqui; o presidente da Liga das Quadrilhas do Acre (Liquac), Cimar Santos; o presidente da Academia Acreana de Letras (AAL), Adalberto Queiroz; e a representante dos povos indígenas, Nedina Yawanawa, que também é diretora da Secretaria do Meio Ambiente e das Políticas Indígenas do Acre.

As inscrições vão até 14 de setembro de 2023 e a divulgação do resultado é prevista para o dia 31 de dezembro de 2023. Vejam todos os detalhes dos editais que foram publicados no Diário Oficial do Estado desta segunda-feira, 31 de julho.

Editais lançados:

⎯ Edital Prêmio de Mestres: Um incentivo à preservação e transmissão dos saberes tradicionais, reconhecendo a importância dos mestres e mestras da cultura popular;

⎯ Edital de Prêmio dos Povos Indígenas: Uma oportunidade de valorizar e apoiar a produção cultural das comunidades indígenas no nosso Estado, respeitando suas tradições e expressões artísticas;

⎯ Edital de Entidades Representantes de Classe Artística: Uma forma de estimular a organização e desenvolvimento de coletivos artísticos, promovendo a diversidade e a pluralidade cultural;

⎯ Edital de Fomento e Incentivo à Cultura (Arte e Patrimônio): Uma iniciativa para preservar e valorizar nosso patrimônio cultural, estimulando a criação artística inspirada em nossa história e identidade.

- Publicidade -
Copiar