31.4 C
Juruá
domingo, junho 23, 2024

Pousadas do Croa e Serra do Divisor receberão investimentos do Estado

Por Redação O Juruá em Tempo.

- Publicidade -

Buscando atender necessidades das comunidades do Croa e do Parque Nacional da Serra do Divisor, em Cruzeiro do Sul e Mâncio Lima, e assegurar ambientes mais funcionais e confortáveis a funcionários de pousadas e turistas, o governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Turismo e Empreendedorismo (Sete) e a partir do Programa  REDD Early Movers (REM Acre) Fase II, realizou, na semana passada, uma visita técnica às localidades, para realizar um levantamento de informações destinadas à elaboração de projetos de adequação das cozinhas dos empreendimentos.

Respondendo à solicitação da Sete, a Secretaria de Estado de Obras Públicas (Seop) cedeu a servidora Nathália Carlos, arquiteta, para auxiliar no melhoramento da infraestrutura dos espaços.

Técnicos atuam nas comunidades a partir do programa REM ACRE, que é uma iniciativa voltada para proteção e conservação das florestas, com o objetivo de reduzir as emissões de gases de efeito estufa oriundos do desmatamento. Foto: cedida

“A nossa missão é fazer um levantamento das demandas e adequações necessárias às cozinhas das pousadas, desde o piso ao telhado. Para isso, temos que atentar quanto ao tipo, uso e controle de material que poderá ser utilizado nos projetos, observando as normas que regem as unidades de conservação, parques e áreas de preservação ambiental”, explicou a arquiteta.

O levantamento da Sete, com auxílio da Seop, será realizado em todas as pousadas. Foto: cedida

O titular da Sete, Marcelo Messias, indicou que, para a produção de projeto arquitetônico das referidas cozinhas, é essencial respeitar as características originais e buscar opções sustentáveis.

Equipe técnica chega de barco para visitar comunidade contemplada pelo REM/KFW. Foto: cedida

“Solicitamos aos técnicos uma atenção especial quanto aos materiais propostos, visto que estamos tratando de áreas de preservação ambiental. Por isso, faz-se necessário o cuidado para não descaracterizar as belezas naturais”, relatou.

- Publicidade -
Copiar