30.1 C
Juruá
quarta-feira, junho 12, 2024

Após tentar matar indígena, homem é mantido amarrado em aldeia no Acre

Por Redação O Juruá em Tempo.

- Publicidade -

Um homem, identificado como Carleilson, foi acusado nesse domingo (15) de tentar matar com uma facada no peito a companheira indígena de 16 anos, J. B. A. H. Ele está amarrado na Aldeia Formoso, Terra Indígena Huni Kui Nova Olinda, no Rio Envira, e deve ser resgatado e preso pelas Polícias Civil e Militar, nesta terça-feira (17).

A jovem foi esfaqueada pelo marido e levada de helicóptero para o Hospital do Juruá, onde recebeu atendimento médico. Ela contou à polícia que vivia com o homem há cerca de 7 meses.

Segundo ela, Carleilson, que não é indígena, chegou bêbado e passou a agredi-la verbalmente, trancando-a no quarto. “Eu estava no quarto com minha irmã, que é surda/muda, e o outro irmão. Ele me chamou de muitos palavrões e acusou de traí-lo. Aí me deu uma facada no meu peito e eu desmaiei” contou.

Testemunhas disseram que, após a facada, o homem escondeu a faca embaixo do travesseiro e se deitou por cima da vítima, para que ninguém percebesse o que havia acontecido. Porém, os indígenas descobriram e o capturaram.

O resgate será feito pela equipe, da Polícia Civil de Feijó e pelos Policiais Militares do Centro Integrado de Operações Aéreas — CIOPAER. “Nós vamos com a equipe do CIOPAER, e são 40 minutos de voo de helicóptero a partir da cidade”, disse o delegado de Polícia Civil de Feijó, Railson Ferreira.

- Publicidade -
Copiar