30.3 C
Juruá
sexta-feira, maio 24, 2024

Acre já registrou 339 ocorrências de incêndios em 2023, diz Corpo de Bombeiros

Por A Gazeta do Acre.

- Publicidade -

novembro registra recorde de queimadas no Acre

O ano de 2023 tem sido marcado pela intensa seca, e  com isso, o número de ocorrências de incêndio registradas se intensifica. A maioria das ocorrências foi registradas na capital, com 223 casos, e outros 116 foram registrados no interior do estado, até o momento. Os dados são do comandante do Corpo de Bombeiros, Josadac Cavalcante.

Em Cruzeiro do Sul, foram registrados, até o final de outubro, 23 chamados para combater incêndios em residências. Em alguns dos casos, os imóveis acabaram resultando na destruição total. E mesmo sabendo que esse período de estiagem é comum esse tipo de ocorrência, os números assustam.

Cavalcante afirmou ainda que cerca de 70% dos incêndios em casas se concentram no período de estiagem. Através do fogo, os fatores como a emissão de gases de efeito estufa, a perda de biodiversidade, e principalmente o aumento de doenças respiratórias se agravam, gerando grandes prejuízos, sobretudo econômicos.

Saiba quais são as orientações do Bombeiros em casos de incêndio 

Não utilizar vários eletrônicos e eletrodomésticos na mesma extensão, para evitar curto circuito.

∎ Não carregar o celular sobre sofás e camas, nem deixar aparelhos eletrônicos carregando próximos a cortinas e tapetes.

∎ Não atender celular enquanto o aparelho carrega, nem deixar equipamentos ligados ao sair do ambiente.

∎ Não armazenar combustíveis em casa, nem manusear material inflamável perto de fogo, fagulhas ou superfície aquecida.

∎ Não deixar velas acesas próximo a camas, roupas, móveis e outros. O ideal é mantê-las dentro de copos altos e nunca sobre pratos.

∎ Chegar periodicamente à mangueira da botija de gás, e usar sempre material certificado pelo INMETRO.

Por Walace Gomes – Estagiário em supervisão

- Publicidade -
Copiar