28.2 C
Juruá
terça-feira, maio 28, 2024

Comércio enfrenta terceiro mês seguido de queda no Acre com baixa de 0,2%

Por AC24horas.

- Publicidade -

Em setembro de 2023, o volume de vendas do comércio varejista do Acre caiu 0,2% na comparação com o resultado de agosto (-0,6%). Em julho, as vendas haviam registrado queda de 2,1%. Ou seja: o varejo do Acre vem caindo constantemente neste segundo semestre de 2023.

Frente ao desempenho de setembro do ano passado, o varejo do Acre mostra crescimento de 1,8%.

Os dados são da Pesquisa Mensal do Comércio (PMC) divulgada nesta quarta-feira (8) pelo IBGE. O resultado de setembro no Acre contrasta com o do País no período, quando o volume de vendas cresceu 0,6%, frente a agosto, na série com ajuste sazonal. No mês passado, a variação havia sido de -0,1%. A média móvel trimestral variou 0,4% no trimestre encerrado em setembro.

Na série sem ajuste sazonal, o comércio varejista subiu 3,3% frente a setembro de 2022, quarto avanço seguido. O acumulado no ano chegou a 1,8% enquanto o acumulado nos últimos 12 meses ficou em 1,7%.

No comércio varejista ampliado, que inclui veículos, motos, partes e peças e material de construção, o volume de vendas variou 0,2% na série com ajuste sazonal. A média móvel trimestral ficou estável (0,0%). Na série sem ajuste sazonal, o varejo ampliado cresceu 2,9%, acumulando no ano alta de 2,4% e de 1,6% em 12 meses.

Em setembro, o comércio varejista brasileiro cresceu 0,6% na comparação com o mês anterior, após a variação negativa registrada em agosto (-0,1%). A alta de setembro repete o padrão de variação de baixa amplitude nessa comparação ao longo de 2023: desde fevereiro o indicador tem registrado variação na faixa de -0,6% (maio) até 0,7% (março e julho). Com isso, a diferença do nível de vendas em setembro de 2023 para o pico da série histórica (outubro de 2020) é de -1,5%.

Em setembro de 2023, na série com ajuste sazonal, houve taxas negativas em cinco das oito atividades: combustíveis e lubrificantes (-1,7%), tecidos, vestuário e calçados (-1,1%), livros, jornais, revistas e papelaria (-1,1%), outros artigos de uso pessoal e doméstico (-0,9%) e Equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (-0,1%).

Acesse aqui os resultados da PMC no Acre: https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/media/com_mediaibge/arquivos/357b9

- Publicidade -
Copiar