24 C
Juruá
terça-feira, abril 23, 2024

No 6º Fórum Brasil de Investimentos, Acre apresenta potencialidades do estado para o mercado internacional

Por Paula Amanda Prado.

- Publicidade -

Agência Brasileira de Promoção de Importações e Investimentos (Apex Brasil) realizou nesta quarta-feira, 8, a 6ª edição do Brasil Investiment Forum, ou Fórum Brasil de Investimento. Representando o Acre, a vice-governadora do Estado, Mailza Assis, participou do segundo dia de evento, no Palácio Itamaraty, em Brasília.

As regiões brasileiras estavam distribuídas em espaços para apresentação das potencialidades de cada estado. A Agência de Negócios do Acre (Anac) foi a responsável por reunir o material e atrair os investidores internacionais.

“Esta é uma oportunidade ímpar, pois estamos preparados para receber novos investidores, visto que o governo do Estado vem criando um ambiente de negócios propício à produção e exportação e, consequentemente, à expansão da nossa economia”, explicou a presidente da Anac, Waleska Bezerra.

Evento propicia a transação de negócios internacionais. Foto: Paula Amanda/Secom

O pacote de incentivos, garantido pelo governo do Estado, proporciona melhores condições para produzir. O governo oferece terrenos para instalação de empresas, incentivo de 85% a 95% do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), dedução de 75% do imposto de renda, redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), duas áreas de livre comércio, uma zona de processamento e exportações, garantindo isenção total para exportar, e licenciamento ambiental ágil.

“Nós temos 86% da nossa área de floresta preservada, isto é, além de tudo o que nós temos de potência para negócios internacionais, ainda temos a bioeconomia e biotecnologia, pois somos uma parte importante da Amazônia, rica em diversidade”, disse Mailza.

O evento, promovido em parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e realizado, pela primeira vez, no Palácio Itamaraty, sede do Ministério das Relações Exteriores, recebeu investidores do mundo todo. “Esse é o maior fórum de discussão de investimentos no Brasil. A participação de regiões como o Norte e o Nordeste ainda é muito pequena no comércio exterior, e nós queremos mudar essa realidade. O Acre tem grandes potenciais e oportunidades de empresas virarem exportadoras”, frisou o presidente da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil), Jorge Viana.

- Publicidade -
Copiar