32.4 C
Juruá
sábado, junho 22, 2024

No Acre, idoso surdo-mudo é preso acusado de estuprar as duas netas

Por Leônidas Badaró, do AC24horas.

- Publicidade -

O idoso aposentado surdo-mudo Ademar Rodrigues Macedo, 66 anos, que mora no Bairro Conquista, em Feijó, foi preso pela Polícia Civil nessa segunda-feira, 6, acusado de estupro de vulnerável. Ele é acusado de estuprar duas nestas, de 6 e 15 anos, e outras 2 meninas.

O caso foi descoberto no último dia 30 de outubro, quando a neta mais nova, de 6 anos, contou que o avô já havia abusado sexualmente dela duas vezes. Na ocasião, a mais velha, de 15 anos, também admitiu ter sido abusada.

B. M. R, de 15 anos, foi a primeira a ser abusada pelo avô. E C. M. L, de 6 anos, foi a mais recente. O cado foi denunciado à Polícia Civil pela mãe das meninas, Maria Rosângela, que morava com elas na zona rural. Foi para a cidade morar com o pai para cuidar dele e para que as filhas estudassem.

Depois dessas confissões, Maria Rosangela, recordou de situações em que a menina mais nova teve que ser levada ao médico por apresentar dores nas partes íntimas e sangue e pus na urina, mas o médico disse que as ela podia ter se machucado andando de bicicleta.

Rosangela contou ainda que a filha mais velha, B, não gosta do avô, sempre evitou ter contato ou conversar com ele, inclusive se recusava a tomar a benção. E que a garota tem pressão alta, não gosta de sair de casa, não tem amigos, sofre com obesidade e vive isolada.

A mulher contou também à Polícia que uma vez, uma vizinha já reclamou para ela que Ademar havia mostrado o pênis, para uma filha dela. E ela descobriu ontem que a filha de sua prima, também sofreu abuso sexual, praticado pelo seu pai.

A prisão foi pedida pelo delegado Railson Ferreira e concedida pela juíza Ana Paula Saboya.

- Publicidade -
Copiar