32 C
Juruá
quarta-feira, junho 12, 2024

Adolescente de SP que matou pais e irmã e diz que “faria tudo de novo”

Por Notícias ao Minuto.

- Publicidade -

O adolescente de 16 anos que confessou o assassinato do pai, da mãe e da irmã na última sexta-feira (17) na Zona Oeste de São Paulo, disse à polícia que “não se arrepende do crime” e que “faria tudo de novo”.

O crime teria sido motivado por raiva após os pais confiscarem seu celular.

Os assassinatos aconteceram na casa da família. O adolescente, que não teve o nome divulgado, aproveitou que o pai, membro da Guarda Civil de Jundiaí, guardava uma arma em casa e a utilizou para matar o pai na cozinha enquanto ele estava de costas. A irmã, que ouviu o barulho do disparo, foi ao local e também foi baleada no rosto. Em seu depoimento, o adolescente afirma que “teve que matar a irmã” porque ela estava no local.

Após os assassinatos, o jovem almoçou na casa e foi à academia. Ao voltar, esperou a mãe chegar e a matou quando ela viu os corpos do marido e da filha. No dia seguinte, ele colocou uma faca no corpo da mãe, alegando que “ainda estava com raiva dela”.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil, que busca entender o que motivou o crime e se o adolescente agiu sozinho. A família das vítimas está em estado de choque e pede justiça.

- Publicidade -
Copiar