30.9 C
Juruá
domingo, junho 16, 2024

Mais de 72,7 mil crianças devem ser vacinadas contra poliomielite no Acre; campanha começa na segunda (27)

Por Por Aline Nascimento, g1 AC

- Publicidade -
Campanha contra a poliomielite começça na segunda (27) — Foto: Arquivo Pessoal

Começa na segunda-feira (27) a campanha nacional de vacinação contra a poliomielite. No Acre, o público-alvo que deve ser imunizado contra a doença é composto por 72.728 crianças de até quatro anos. A imunização segue até 14 de junhonas unidades de saúde municipais.

A informação foi divulgada pelo Programa Nacional de Imunização no Acre (PNI) neste sábado (25). O Dia D contra a doença será no dia 8 de junho com mobilização no Centro de Referência para Imunobiológicos Especiais (Crie), na Avenida Getúlio Vargas, em Rio Branco, e na Rodovia Transacreana, em uma ação itinerante.

Para a campanha de 2024, a população-alvo inclui crianças menores de 5 anos, sendo que as crianças menores de 1 ano serão vacinadas com a vacina inativada poliomielite (VIP), e as crianças de 1 a 4 anos receberão a vacina oral poliomielite (VOP), conhecida como gotinha, desde que já tenham completado o esquema primário com VIP.

Veja a estimativa de público vacinado por faixa etária:

  • menor de um ano – 14.319
  • 1 ano – 14.319
  • 2 anos – 14.401
  • 3 anos – 15.048
  • 4 anos – 14.641

“Nossa sala de vacina, que é única do estado é o Crie, estamos atendendo quem aparece lá, quem busca se vacinar lá a gente não recusa, apesar de nosso serviço ser direcionado para um público especial, mas quando aparecem crianças a gente não recusa”, destacou a coordenadora do PNI-AC, Renata Quiles.

Sobre o lançamento da campanha, a coordenadora explicou que alguns municípios vão ter ações específicas e outros apenas abrir as unidades de saúde normalmente.

Em Rio Branco, o público-alvo é composto por 27.069 crianças. As doses estarão disponíveis em todas as unidades de saúde da capital

Poliomielite

 

A poliomielite é uma doença contagiosa aguda, causada pelo poliovírus, que pode infectar crianças e adultos através do contato direto com fezes e secreções. Os sintomas incluem febre, mal-estar, dores no corpo, vômitos, diarreia e, em casos graves, paralisias musculares, principalmente, nos membros inferiores.

Não há cura para a poliomielite, tornando a vacinação a única forma eficaz de prevenção.

- Publicidade -
Copiar