32 C
Juruá
quarta-feira, junho 12, 2024

Mesmo com medida protetiva, homem tenta incendiar casa com a ex-namorada dentro e é preso

Por Redação O Juruá em Tempo.

- Publicidade -

A Polícia Civil do Acre (PCAC) agiu rapidamente para prevenir um possível caso de feminicídio ao cumprir uma ordem judicial contra C.A.S., de 21 anos, suspeito de praticar atos violentos contra sua ex-namorada. O suspeito havia sido alvo de um pedido de medida protetiva devido a episódios anteriores de violência.

Apesar da medida protetiva, C.A.S. continuou a perseguir a ex-namorada, culminando em uma tentativa de atear fogo na casa da mulher. Determinado a atentar contra a vida da ex-companheira, ele viajou de Rio Branco para Tarauacá com a intenção de consumar o crime.

Em resposta rápida e coordenada, a PCAC localizou e prendeu o suspeito em  Rio Branco, cumprindo um mandado de prisão preventiva nesta quarta-feira, 22,. O homem agora se encontra à disposição da Justiça.

“O combate à violência contra a mulher é uma prioridade para a PCAC. A nossa atuação rápida e eficiente no cumprimento da ordem judicial contra o suspeito demonstra nosso compromisso em proteger as vítimas e prevenir tragédias como o feminicídio. Não admitimos, sob nenhuma circunstância, condutas criminosas como essa. Qualquer ato de violência será tratado com a máxima seriedade e rigor, garantindo que os responsáveis sejam levados à justiça. A segurança e a integridade das mulheres em nossa comunidade são inegociáveis”, disse o delegado que atua em Tarauacá, José Ronério.

- Publicidade -
Copiar