32.5 C
Juruá
quinta-feira, junho 20, 2024

Programa Opera Acre avança na saúde realizando 64 cirurgias em mutirão no Alto Acre

Por Luana Lima.

- Publicidade -

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Saúde (Sesacre), reafirma seu compromisso em atender às necessidades dos pacientes e aprimorar os serviços médicos em todo o estado. Uma das iniciativas mais destacadas é o programa Opera Acre, um esforço contínuo para reduzir o tempo de espera e diminuir as filas reprimidas na área da saúde.

Programa Opera Acre beneficiou pacientes na sexta, 24, e sábado, 25, no Hospital Regional de Brasileia. Foto: cedida

O programa marcou  presença na sexta, 24, e sábado, 25, no Hospital Regional de Brasileia, beneficiando 64 pacientes com procedimentos de cirurgia-geral e, pela primeira vez, vasectomias. A ação proporcionou atendimento médico oportuno e de qualidade aos cidadãos.

Procedimentos de vasectomia consolidam serviço de planejamento familiar na Regional do Alto Acre. Foto: cedida

O coordenador da Regional de Saúde do Alto Acre, Pablo Araújo, destacou a importância do novo serviço: “Nesta edição, iniciamos os procedimentos de vasectomia, consolidando o serviço de planejamento familiar na Regional do Alto Acre. Estamos felizes em anunciar que a demanda está controlada. Pacientes que aguardam por cirurgias de hérnia, vesícula, laqueadura e vasectomia devem procurar a regulação dos municípios, para agendamento das consultas de avaliação pré-operatória. Com as filas controladas, as cirurgias estão sendo realizadas regularmente duas vezes por mês, tornando o serviço mais ágil e eficiente”.

Pacientes da Regional Alto Acre aguardam procedimentos cirúrgicos no Hospital Regional de Brasileia. Foto: cedida

Simultaneamente, outros mutirões são efetuados em diversas localidades do estado. Em Senador Guiomard, estão sendo realizadas cirurgias ginecológicas; na Fundação Hospitalar do Acre (Fundhacre), em Rio Branco, pacientes estão sendo atendidos na área de mastologia pelo Centro de Controle de Oncologia (Cecon); e, em Cruzeiro do Sul, pacientes estão recebendo cirurgias ginecológicas, somando mais dez procedimentos cirúrgicos.

Paciente Erasmo Parente (à direita) aguarda cirurgia no Hospital Ary Rodrigues, em Senador Guiomard. Foto: cedida

Erasmo Parente, domiciliado em Rio Branco, realizou o procedimento de hidrocele (acúmulo anormal de fluido em torno do testículo, levando ao aumento do tamanho do escroto) na manhã deste domingo, no Hospital Ary Rodrigues, em Senador Guiomard. “É uma cirurgia muito importante porque, no meu caso, vai levantar minha autoestima, pois isso me causava vergonha. Fiz os exames e já estou aqui para fazer o procedimento. Agradeço a Deus e a toda equipe por poder fazer a cirurgia”, disse.

Esse programa de cirurgias tem desempenhado um papel crucial no avanço da saúde do estado, atuando com foco em cirurgias eletivas em diversas especialidades médicas, como ginecologia, proctologia, cirurgias-gerais, de cabeça e pescoço e cardiológicas, entre outras.

Shirley Nascimento é chefe da Regulação de Cirurgias da Sesacre. Foto: Odair Leal/Sesacre

“Estamos empenhados em reduzir as filas de espera e proporcionar um atendimento mais humanizado e eficiente para todos os acreanos”, destacou Shirley Nascimento, chefe de Regulação de Cirurgias da Sesacre.

Dados do Ministério da Saúde mostram que o Acre possui a maior taxa de expansão de cirurgias eletivas entre todas as unidades da federação, destacando a eficácia e o impacto positivo do programa na vida dos cidadãos

- Publicidade -
Copiar