30.7 C
Juruá
sexta-feira, julho 19, 2024

Sogro de líder do B13 é morto em comércio de Rio Branco

Por Davi Sahid, do AC24horas.

- Publicidade -

O comerciante Vicente Lima de Aguiar, de 60 anos, foi morto a tiros na manhã desta quarta-feira, 10, dentro de seu estabelecimento comercial, situado na rua Baguari, no bairro Taquari, na região do Segundo Distrito de Rio Branco.

De acordo com informações fornecidas por sua mãe, uma idosa que estava no local, um criminoso ainda não identificado se aproximou de Vicente com uma arma de fogo e sem dizer uma palavra, o bandido efetuou pelo menos três disparos, atingindo o comerciante no peito e no abdômen.

Vicente não resistiu aos ferimentos e morreu antes mesmo da chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), que foi acionado e enviou uma ambulância de suporte avançado ao local. Os socorristas, ao chegarem, apenas puderam constatar a morte de Vicente.

A Polícia Militar isolou a área para que a perícia pudesse realizar seu trabalho, e após término o corpo de Vicente foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para a realização dos exames cadavéricos.

Policiais Militares do 2º Batalhão coletaram informações para tentar localizar o responsável pelo crime, mas até o momento, nenhum suspeito foi encontrado.

O caso segue inicialmente sob investigação dos Agentes da Polícia Civil da Equipe de Pronto Emprego (EPE) e posteriormente ficará a disposição da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Polícia trabalha com a hipótese de que o comerciante Vicente foi morto por causa da guerra entre organizações criminosa, uma vez que, o Senhor Vicente, era sogro do Marcos Cunha Lindozo, o “Dragão”, liderança da facção B13 que foi preso em 2018 em São Paulo e transferido para o Acre, que foi assassinado na rebelião no presídio Antonio Amaro Alves ano passado. A informação recebida pela reportagem é que Vicente dava apoio para facção B13, por causa da sua filha, viúva do ‘Dragão’.

- Publicidade -
Copiar