Após cancelamento de prova para gestor público, nova seleção será dia 15 dezembro

Após receber denúncias de irregularidades e constatar um erro na impressão da prova para quem prestou concurso público para o cargo de gestor público, a Prefeitura de Cruzeiro do Sul solicitou ao Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC) que realize uma nova avaliação.

Ainda segundo a gestão, os candidatos não serão prejudicados, tendo em vista que quem mora em outra cidade ou estado, terá suas despesas custeadas pelo IBFC, uma exigência feita pelo prefeito Ilderlei Cordeiro.

“Ao todo, 464 candidatos se inscreveram para gestor público. Nós identificamos um problema no ato de confecção dos cadernos de prova. A empresa prontamente reconheceu o erro, que é dela, e de pronto o prefeito Ilderlei Cordeiro solicitou que a IBFC cancelasse a prova e remarcasse um nova”, explica o secretário de Planejamento, Manuel Orleilson.

Os candidatos em geral, com exceção dos que fizeram a prova para gestor público, possuem alguma reclamação têm até hoje (terça-feira, 3), às 19 horas, para entrar com pedido no site da empresa responsável pelo concurso público.

“O prefeito Ilderlei Cordeiro e a coordenação do concurso trabalha na expectativa de que essa nova prova não altere a divulgação do resultado preliminar do concurso público”, endossa o secretário.