Calegário lança campanha quarentena solidária para ajudar famílias necessitadas em meio a crise do Covid-19

Nesta quinta-feira (26), o Acre chegou ao índice de 26 pessoas confirmadas com coronavírus e se mantém em segundo lugar no ranking de infectados pro proporção populacional no país, ficando atrás somente do Distrito Federal. O debate tem sido frequente se a melhor saída para combater a situação seria manter o isolamento social ou voltar a rotina normal, já que muitas pessoas no Estado dependem do seu próprio suor para colocar o pão na mesa.

Em meio a essa que parece ser uma situação de “se correr o bicho pega e se ficar o bicho come”, alguns parlamentares do Estado tentam encontrar soluções para apaziguar o problema, um dos mais atuantes nesse tempo de crise é o deputado estadual Fagner Calegário que vem trabalhando pesado para tentar ao máximo tirar as pessoas de situações desesperadoras.

Na segunda-feira (23), Calegário anunciou que irá doar dois meses de seu próprio salário para comprar cestas básicas e ajudar famílias desempregadas que não tem de onde tirar o sustento durante a quarentena. Na quarta-feira (25), olhando pelo lado das crianças que enfrentam o estresse do isolamento, o deputado, que é faixa preta de Taekwondo, ministrou uma aula gratuita por meio de live em suas redes sociais.

Ainda preocupado com a situação econômicas das famílias, nesta quinta-feira (26), o deputado que já fez a doação de 200 cestas básicas voltou a apresentar novas soluções para o problema, durante uma nova live anunciou que criou uma vaquinha online chamada Quarentena Solidária, com o objetivo de arrecadar fundos para que as cestas básicas possam chegar ao maior número de famílias possíveis em todo o Estado.

“Eu aprendi dentro da minha casa que a gente tem que ser exemplo, eu estou fazendo a minha parte na qualidade de cidadão, falando na qualidade de ser humano, o Acre tem muitas famílias em situação de fome e eu estou muito preocupado com isso. Sozinho eu não vou conseguir mudar a realidade do nosso Estado, por isso eu estou pedindo a ajuda de vocês para que a gente possa ajudar outras pessoas.”, disse o deputado.

A atitude foi muito elogiada pelos internautas e recebeu muito apoio e mensagens positivas de gente se propondo a ajudar. Entre as pessoas que interagiram estava a jornalista Rose Lima que disse acreditar ser necessário a quarentena por pelo menos 15 a 20 dias para tentar quebrar a cadeia de transmissão do vírus e que se preocupa muito com quem é autônomo e não tem de onde tirar a renda e que a atitude e posicionamento do deputado iria ajudar muito essas pessoas, parabenizando-o pela proposta.

Calegário também disse que estará conversando com empresários para que ajudem na redução dos preços das cestas básicas para que nessa ação humanitária possam estar ajudando. “A minha proposta é a gente tentar alcançar 200 mil pessoas ajudando a gente com 1 real, já seriam 200 mil reais para a compra de cestas básicas.”

Quem quiser contribuir com a Quarentena Solidária, poderá fazer através do site https://www.vakinha.com.br/vaquinha/vaquinha-solidaria-acre ou através de transferência bancária para as contas do Banco do Brasil (Ag: 3181-X e C/C 78666-7) e Caixa Econômica Federal (Ag: 0534, Op: 001 e C/C 43702-8). Será disponibilizado também pontos de doações de cestas básicas que ainda serão divulgados, o objetivo é arrecadas mil sacolões.

loading...