Como anda o desempenho de seu deputado federal

Os 18.374 eleitores e eleitoras da professora e bancária Perpétua Almeida (PCdoB) podem tirar o chapéu e bater no peito, entusiasmados, porque elegeram no ano passado a deputada federal que apresenta, disparado, o melhor desempenho parlamentar entre os membros da atual bancada acreana na Câmara dos Deputados, durante os quatro primeiros meses da atual legislatura.

Segundo revela os dados do Portal de Transparência da Câmara, em seu terceiro mandato como deputada federal, o desempenho de Perpétua é de tal magnitude que ela fez da tribuna quase o dobro dediscursos feitos pelos sete outros deputados da bancada. Em termos de propostas apresentadas, a professora de 54 anos, nascida em Porto Walter, respondeu por nada menos que 40% das que foram apresentadas pelo resto da bancada.

Com 58 discursos, contra 30 do restante da bancada, e 113 propostas, contra 173 dos outros sete deputados, Perpétua Almeida também lidera a bancada em número de votações em plenário, no total de 102, e nas votações das comissões permanentes da casa, da ordem de 290. Sua liderança também se faz presente no número de presenças nas comissões, com as 64 vezes em que lá esteve.

O Portal de Transparência da Câmara mostram, ainda, que os 9.537 eleitores e eleitoras do deputado federal Jesus Sérgio (PDT), sétimo mais votado, e os 40.047 eleitores da deputada federal Mara Rocha (PSDB), a mais votada nas últimas eleições, tambémtêm o que comemorar pelo bom desempenho de seusdois parlamentares. Em segundo lugar na bancada, Jesus apresentou 72 propostas entre projetos de lei, requerimentos e indicações e Mara ficou em terceiro lugar, com 33 propostas dos mesmos gêneros.

Com 11 discursos, Mara Rocha, 48 anos, jornalista e empresária de primeiro mandato, nascida em Rio Branco, superou no mesmo quesito Jesus Sérgio, 45 anos e professor de primeiro mandato na Câmara, nascido em Tarauacá, que fez apenas um únicodiscurso nos primeiros quatro meses. O deputado do PDT foi o quarto parlamentar da bancada emnúmero de votações na Câmara (95 votações), emvotações nas comissões (146) e em presenças no plenário da Câmara (59); sendo o quinto emdiscursos (1) e em presenças nas comissões (44).

Com 102 votos, a deputada Mara Rocha liderou, junto com os deputados federais Alan Rick (DEM) e Perpétua Almeida, o número de votações no plenário, foi a segunda colocada em presenças na Câmara (60) e alcançou a quarta colocação empresenças nas comissões. A parlamentar tucana foi a quarta colocada em presenças nas comissões (45) e a quinta colocada em votações nas comissões (128).

Disputa acirrada entre quarto, quinto e sexto colocado

Os 22.263 eleitores e eleitoras do jornalista e pastor Alan Rick, 42 anos, nascido em Rio Branco, também podem comemorar porque o terceiro colocado nas últimas eleições acreanas tem se mantido firme na quarta colocação em número de propostas parlamentares (24). Em seu segundo mandatoconsecutivo, Rick foi o terceiro em número de discursos (10), o segundo em votações nas comissões (193) e o terceiro em presenças nas comissões (57).

Por sua vez, os 7.489 eleitores e eleitoras do pastor Manuel Marcos (PRB), 47 anos, nascido em Tinguá (CE), puderam ver seu deputado pular para a quinta colocação em número de propostas apresentadas (23) no quarto mês de seu primeiro mandato federal. Ele ficou em quinto lugar em votações (91) e em presenças no plenário da casa, em sexto lugar em presenças nas comissões (25) e em último em discursos (0).

Também em primeiro mandato na Câmara, a promotora de Justiça Vanda Milani (Solidariedade), 65 anos, natural de Cedral (SP), foi eleita em quarto lugar por 22.219 eleitores e eleitoras acreanos e ficou na sexta colocação em apresentação de propostas legislativas (14). Milani conquistou osegundo lugar em presenças nas comissões (61), oterceiro em votações (99) e presenças no plenário (61) e em votações nas comissões (180) e o quartolugar em número de discursos (7).

Nos quatro primeiros meses da legislatura, os deputados Jéssica Sales (MDB) e Flaviano Melo (MDB) continuaram nas últimas posições em desempenho na bancada, com seus eleitores precisando puxar suas orelhas para passarem a terpresenças mais efetivas na Câmara. Segunda deputada mais votada no Acre no ano passado, com 28.717 votos, Jéssica Sales foi a sétima colocada em desempenho, tendo apresentado em quatro meses apenas quatro propostas legislativas, sem fazer nenhum discurso.

Natural de Cruzeiro do Sul, com 38 anos de idade, a médica Jéssica Sales ficou em segundo lugar em votações no plenário (100), em sexto lugar em presenças no plenário (57) e em último em votações nas comissões (0). Já o engenheiro Flaviano Melo, rio-branquense, 69 anos, com vários mandatos, permaneceu na última colocação na bancada, com apenas três propostas, um discurso, 87 votações na Câmara, 31 votações nas comissões, 50 presenças em plenário e 16 nas comissões.

Por Romerito Aquino