Delegado alerta cruzeirenses para golpes das redes sociais

Desde o final do ano passado dois golpes vêm sendo aplicados em Cruzeiro do Sul por meio de redes sociais. Alguns casos chegam até a delegacia de polícia, mas muita gente fica com medo e vergonha e não faz Boletim de Ocorrência. O delegado Alexnaldo Batista faz um alerta para que a população procure a polícia nas duas situações.

Em um dos golpes uma mulher faz amizade pelas redes com vários cruzeirenses. Em seguida, um homem entra em cena e afirma aos que mantiveram contato com a mulher, que a mesma é esposa de líder de facção e que é preciso pagar para não morrer.

Em outro golpe, celulares são clonados e dinheiro é pedido como se fosse o dono do número que pede. O empresário Manu Cameli foi vítima da clonagem e amigos dele chegaram a fazer transferências de dinheiro para os bandidos.

O delegado diz que nos dois casos é necessário fazer o Boletim de Ocorrência. “É preciso estar atento com relações de amizade a partir das redes sociais. E também se você receber um pedido de dinheiro tente contato com a pessoa por outro meio para confirmar a veracidade dos fatos. Nesses casos todos devem procurar a polícia e fazer o Boletim de Ocorrência”, cita.

  • Por Sandra Assunção.

loading...