Faltam técnicos para funcionamento do Samu em Tarauacá, denuncia deputado

Foto: acre.com.br

Segundo boletim de ocorrência, registrado na cidade de Tarauacá, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) não realizou um atendimento por falta de técnicos. O deputado Roberto Duarte (MDB) trouxe a denúncia à tribuna da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), na sessão desta quarta-feira, 29.

“Estou aqui com o boletim de ocorrência. Estou trazendo essa temática porque é muito preocupante que um município como Tarauacá, não exista técnicos suficientes para dar suporte às ambulâncias, e que os técnicos atendem durante nove dias, e por cerca de 21 dias, a população fica desguarnecida das ambulâncias”, declarou o parlamentar.

Segundo a mensagem lida pelo deputado, o boletim foi registrado após a administração do Hospital Dr. Sansão Gomes ter se negado a realizar um atendimento de emergência com o Samu. As vítimas acusam o hospital do crime de omissão de socorro. O depoimento foi subscrito pelos policiais militares que atenderam a ocorrência, no último dia 20.

No último mês, Duarte havia feito uma reivindicação que faltam ambulâncias em Tarauacá, o Estado, imediatamente atendeu o pedido e enviou duas ambulâncias usadas para a cidade.