Gladson contrata Jatinho, mesmo após afirmar que iria anular licitação

Após a pressão popular e o posicionamento contrário de aliados, o governador Gladson Cameli afirmou que iria cancelar a contratação do jatinho executivo, a edição do Diário Oficial desta quarta-feira, 31, trouxe exatamente o contrário.

O Chefe da Casa Civil, Ribamar Trindade, assina o contrato com a empresa vencedora da licitação, a Manaus Aerotáxi.

De acordo com a publicação, a empresa vai fornecer 288 horas de voo durante um ano no calor de 18 mil reais a hora de cada voo. No total, segundo a licitação, o governo pode gastar no período mais de 5 milhões de reais com os deslocamentos aéreos.