Governo reestrutura gabinete de representação em Brasília

Por meio de decreto publicado na edição desta terça-feira (13), o governo Gladson Cameli (PP) reestruturou seu gabinete de representação em Brasília. Essa era uma promessa de Cameli desde que assumiu o Palácio Rio Branco, no começo do ano. O gabinete continua sob a chefia de Ricardo França, visto como o braço direito e homem de confiança do governador.

No novo organograma, o topo é ocupado pelo gabinete do chefe da representação acreana na capital federal. Como seus auxiliares direto ele terá a diretoria executiva e a divisão de apoio, que responderão pela comunicação interna e o controle interno.

A representação em Brasília terá três departamentos: o Administrativo, o Financeiro e o Técnico. Essa estrutura mais enxuta é vista como uma forma de garantir mais economia e funcionalidade ao gabinete do governo na capital da República.

Em tempos passados, o gabinete era visto apenas para acomodar aliados de ex-governadores interessados em passar algum tempo fora do Acre. O escritório de representação funciona em salas comerciais próprias do estado em um prédio na asa sul de Brasília.

O gabinete tem como função principal auxiliar o governo acreano na elaboração de projetos e articulações políticas para a obtenção de recursos junto aos ministérios em Brasília.