Menino de 5 anos que levou tiro do irmão durante brincadeira tem alta de hospital

Cinco dias após levar um tiro de espingarda no ombro, o pequeno Wesley de Souza Oliveira, de 5 anos, teve alta do Hospital do Juruá, nesta segunda-feira (7), em Cruzeiro do Sul, no interior do Acre. O tiro acidental foi dado pelo irmão de 10 anos enquanto os dois brincavam.

A informação foi confirmada pela dona de casa Maria Elizete de souza, de 38 anos, mãe das crianças. Segundo ela, Wesley vai continuar com o tratamento em casa.

“Já estamos em casa e ele está com o ferimento bem saradinho. Agora está ali brincando com o irmão dele, graças a Deus”, afirmou.

As crianças estavam brincando quando a irmã deles ouviu o mais velho dizendo “mãos para o alto” e logo veio o disparo. Segundo a família, o garoto pensava que a arma era de brinquedo. Wesley passou por uma cirurgia e se recupera bem.

Em reportagem publicada na quinta (3), a mãe das crianças relatou que o filho de 10 anos, que atirou acidentalmente contra irmão, estava em choque e chorava sempre que lembrava da fatalidade.

O cunhado dos meninos, Hamilton Paulo de Amorim, de 27 anos, é dono da espingarda calibre 36 de fabricação artesanal e foi preso em flagrante por posse ilegal de arma de fogo, omissão de cautela e lesão corporal.

Conforme a mãe das crianças, Amorim foi liberado ainda na tarde de quarta (2), após ter um pedido de habeas corpus aceito pela Justiça.