Postos de combustíveis do Acre serão investigados pelo Ministério Público

Foto: Arison Jardim

Não é de hoje que a qualidade e o preço do combustível comercializado no Acre são alvos de críticas, sobretudo por parte dos consumidores. Os constantes aumentos devido à política de reajuste da Petrobras não vêm agradando os acreanos, que pagam o combustível mais caro do Brasil.

Durante audiência pública sobre os aumentos do combustível nesta quarta-feira, 8, a promotora de Justiça Alessandra Marques afirmou que o Ministério Público do Acre dará início a uma operação nos postos de combustíveis.

O objetivo é investigar práticas ilegais cometidas nos estabelecimentos com relação a problemas como combustível adulterado e falhas na distribuição de gasolina.“Estamos trabalhando na investigação de vários postos da cidade, especificamente, com relação aos serviços”, declarou.

A promotora destacou ainda a importância da audiência pública para garantir os diretos da sociedade em geral. “Nós ouvimos as reclamações, apontamos soluções e, ao mesmo tempo, informamos o que é possível ou não ser feito”.