Rio Branco: Em visita ao Benfica, Rodrigo Forneck conversa com moradores sobre as demandas da comunidade

Fundada há décadas, a Vila União Benfica, em Rio Branco, tornou-se um bairro há três anos. Estima-se que 2,5 mil famílias vivam no local, que é um dos principais polos de produção na capital. Na sexta-feira, 3, o vereador Rodrigo Forneck (PT) visitou a comunidade e conversou com os moradores sobre as demandas do local.

Eleito com uma votação expressiva, Rodrigo mantém sempre o diálogo aberto com a população, dando voz aos distintos grupos sociais no Parlamento Municipal. Como líder do Executivo na Câmara, busca apontar soluções para as problemáticas sociais junto a gestão.

“Ouvindo a comunidade a gente sempre consegue apontar os melhores caminhos e sugerir à Prefeitura de Rio Branco e ao Estado as alternativas mais viáveis para solucionar as demandas. A União do Benfica é um lugar de resistência, que avançou em muitas pautas. Possui escola, unidade de saúde e área portuária movimentada, mas, ainda necessita de investimentos e nós visitamos a comunidade para viabilizar isso”, explica o vereador.

Natural de Brasileia, o presidente da Associação de Moradores, Raimundo Nonato Fiesca, 50 anos, era criança quando se mudou com o pais e irmãos para a União Benfica. “Eu tinha 9 anos de idade quando vim morar no Benfica. Este é o meu lugar, sou feliz aqui”, destacou.

Segundo Fiesca, Rodrigo Forneck foi o primeiro vereador a dialogar pessoalmente com a comunidade. “É satisfatório para a gente ter um representante que vem conhecer a nossa realidade de perto. Quando cheguei aqui não tinham ruas, era apenas um ramal. Hoje o bairro está bem estruturado, tem posto de gasolina, escola, posto de saúde, campo de futebol e tantas outras coisas. O nosso ramal precisa ser melhorado, mas a Prefeitura já começou a obra”, salientou.

A União do Benfica é uma comunidade antiga, que compõe a história do Acre. Plácido de Castro, um dos mártires da Revolução Acreana, foi sepultado no bairro. O cemitério foi transformado em um museu a céu aberto e compõe a rota turística histórico-cultural “Caminhos da Revolução”, inaugurado pelo Estado e Prefeitura em 2008.

Ascom Ver. Rodrigo Forneck