Sem energia elétrica, decisão do primeiro turno é suspensa com 30 minutos de jogo

Trinta minutos de jogo. Esse foi o tempo que durou a final do primeiro turno do Campeonato Estadual de Futebol. O árbitro Antônio Marivaldo suspendeu a decisão entre Atlético Acreano e Galvez por falta de energia elétrica no Estádio Arena Acreana.

A interrupção no fornecimento foi ocasionada por um acidente de trânsito que aconteceu na tarde deste domingo, 15, na Via Chico Mendes, próximo ao estádio e derrubou um poste.

Os dois clubes empatavam em zero a zero quando o árbitro decidiu que não tinha mais condições para seguir  com o duelo.

O presidente da Federação de Futebol do Estado Antônio Aquino Lopes apresentou uma proposta aos dirigentes dos times.

A intenção era retomar a partida nesta segunda-feira, 16. “Amanhã (segunda-feira) o jogo será retomado a partir dos 30 minutos, com horário previsto para às 19 horas”, disse o presidente.

Mas o Tenente Coronel Edener Franco, comandante do Bope, argumentou que a data não era viável. “Para mobilizar o policiamento do jogo é necessário pelo menos 48 horas antes”, concluiu Edener.

Nesta segunda-feira, 16, a Federação e os dirigentes do Galvez e Atlético Acreano devem decidir quando a a partida terá sequência.

Trio de arbitragem tomou a decisão de suspender a final Foto: Manoel Façanha/Cedida

loading...