Sobrinha morre minutos após saber que tia passou mal e as duas são enterradas juntas no Acre

A idosa Marina Menezes, de 85 anos, morreu nesta segunda-feira (13) por complicações cardíacas, no município de Xapuri, no interior do Acre. Minutos depois de saber que a tia tinha passado mal, Dorotéia Maria Menezes, de 65 anos, também teve um ataque e faleceu.

As duas foram veladas, nesta terça-feira (14), e vão ser enterradas juntas às 15h no Cemitério São José, na mesma cidade.

Sobrinho de Marina e primo de Dorotéia, o professor e secretário de saúde de Xapuri, Wagner Soares Menezes, disse que a família está em choque com a situação. Segundo ele, a prima foi criada por Marina e tinha uma relação muito próxima com a tia.

“As duas tinham problemas cardíacos. Tanto que nem avisaram para a Dorotéia que a tia Marina tinha falecido, só disseram que ela tinha passado mal. Mas, mesmo assim ela também começou a se sentir mal e não resistiu”, contou Menezes.

A idosa passou mal por volta das 14h40 de segunda-feira (13) e chegou a ser levada para o hospital da cidade, mas faleceu antes de ser atendida.

Já Dorotéia morava na zona rural de Xapuri e assim que a família soube que ela não estava se sentindo bem por conta da notícia, foi até o local, mas já encontraram ela sem vida.

“Essa notícia pegou todo mundo de surpresa, estamos todos muito tristes e em choque com a situação. Infelizmente, tivemos essas duas perdas. As duas estão sendo veladas juntas na casa da tia Marina e vão ser enterradas no mesmo cemitério”, disse o professor.

  • Fonte: Portal G1.