Rio Branco, Acre, 1 de outubro de 2020

População denuncia abandono das escadarias de acesso a cidade de Marechal Thaumaturgo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Os municípios acreanos considerados de difícil acesso possuem suas peculiaridades. Uma delas é em Marechal Thaumaturgo, onde a pista de pouso dos aviões e o restante da cidade são separados pelo Rio Amônia.

Essa separação natural faz com que quem chega e sai da cidade de avião, já que não há ligação terrestre com o município, é obrigado a atravessar o rio e subir uma longa escada, que é o cartão de visitas da cidade.

O problema é que as escadarias de acesso ao porto de Marechal Thaumaturgo estão em péssimas condições, dificultando a vida da população que chega e sai da cidade transportando cargas pesadas.

Mais difícil ainda é para quem precisa de atendimento médico em Rio Branco e precisa ser locomovido. A falta de manutenção das escadas coloca em risco a vida de pacientes que são levados ao aeroporto quando necessitam do serviço de Tratamento Fora de Domicílio (TFD).

Além da escadaria, outro problema, esse mais difícil ainda de solução é o espaço que é preciso percorrer da pista de pouso, que fica em uma área do Exército Brasileiro, até o porto onde atravessa o rio. A distância de cerca de 600 metros é um complicador para pessoas idosas, com dificuldade de locomoção ou com bagagens mais pesadas.

Informações Leônidas Badaró

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.