Rio Branco, Acre, 16 de janeiro de 2021

Morador de Sena Madureira é preso suspeito de ameaçar de morte deputada de Goiás

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Por Redação Juruá Em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

A Polícia Civil identificou e prendeu o suspeito de proferir xingamentos e ameaças contra a deputada estadual Adriana Accorsi (PT) em uma rede social. O homem, que tem 27 anos e não teve o nome divulgado, é natural de Sena Madureira, no Acre e foi detido no mencionado estado. Ele confessou o crime e afirmou que as mensagens foram enviadas do local em que mora.

A deputada e a família dela foram alvo de ameaças por um perfil falso no Instagram identificado como Hugo Rossi. Em uma delas, o perfil diz que “não existe policial esquerdista”, porque quem “defende bandido tem que morrer”.

Em outra, a pessoa afirma que a deputada “não tem treinamento tático” e que a família dela “é fácil de ser encontrada”. “Comunista já comprou caixão da Verônica e da Helena?”, pergunta o perfil falso, em referência às duas filhas da delegada.

Após tomar conhecimento do crime, a Delegacia de Repressão a Crimes Cibernéticos (DERCC) realizou diversas diligências e identificou o suposto autor, um morador da cidade de Sena Madureira, no interior do Acre.

Com apoio da Polícia Civil daquele estado, o suspeito foi ouvido e confessou o envio das mensagens. Durante o depoimento, ele disse que não imaginou que pudesse ser identificado.

As apurações apontaram, ainda, que o homem é envolvido em várias manifestações de ódio pela internet, em especial aquelas ligadas a opiniões políticas. Ele responderá pelo crime de ameaça.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.