Rio Branco, Acre, 22 de janeiro de 2021

Governo e demais poderes analisam proposta orçamentária para 2021

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Por Redação Juruá Em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O governador Gladson Cameli se reuniu na tarde desta segunda-feira, 23, com representantes dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário para apresentação da análise de proposta orçamentária para o ano de 2021. A reunião, que foi realizada no Palácio do Governo, teve como objetivo a união entre os poderes diante das medidas a serem adotadas no que diz respeito às finanças do Estado.

Na ocasião, a equipe da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) apresentou os desafios vencidos e destacou o esforço que precisa ser feito para manter as contas, uma vez que, anteriormente à gestão de Gladson, o Estado vinha acumulando dívidas há mais de dez anos.

Um dos pontos abordados pela equipe foi o comportamento da arrecadação ao longo de 2020, o que não ocorreu de acordo com o esperado. Isso se deu devido aos efeitos da pandemia de Covid-19, o que, diante da análise do comparativo entre receitas e despesas é possível identificar um déficit orçamentário de mais R$ 233 milhões, uma vez que as despesas foram muito maiores do que a arrecadação.

O governador explicou que a ideia com a reunião foi esclarecer a situação do Estado para os representantes dos poderes, deixando claro que não há a intenção de prejudicar a gestão orçamentárias destes, mas sim de preservá-las.

O procurador de Justiça Sammy Barbosa, na ocasião representando a procuradora-geral de Justiça, Kátia Rejane de Araújo, destacou que este é um momento histórico e frisou a transparência e o reconhecimento por parte do governo para com as instituições presentes.

“Tenho certeza de que o objetivo do governador Gladson é de cada vez mais melhorar o estado e a vida do nosso povo. A gente compreende este momento difícil, de crise, e tenho certeza também de que a casa do povo vai tentar fazer o seu máximo. Esses esclarecimentos são muito bons para que possamos tirar algumas dúvidas e acelerar os trâmites”, afirmou o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Nicolau Júnior.

A defensora pública-geral, Roberta Caminha Melo, parabenizou o governador e equipe: “Mesmo diante de dificuldades, tantos méritos, tantos desafios e tantas vitórias foram conquistadas por toda essa equipe de gestão. A Defensoria Pública está aqui para somar”, disse.

Esforços

O secretário de Planejamento e Gestão, Ricardo Brandão, afirmou que o governo tem feito um grande esforço no sentido de melhorar a capacidade de arrecadação do Estado. Assim, as secretarias de Fazenda e Planejamento estão investindo em novas tecnologias para que, em parceria os empresários, a capacidade de arrecadação aumente.

“A Seplag, juntamente com as demais secretarias, está investindo em medidas de contenção de despesas, para que juntos possamos garantir eficiência no gasto público e maior otimização dos serviços que são ofertados pelas instituições públicas, fazendo com que o orçamento de fato consiga se adequar à realidade de despesa social que temos hoje”, destacou o secretário.

Além disso, Brandão ressaltou que a folha de pagamento do Estado passa por uma auditoria que visa a redução dos gastos. “Atrelado a esse pacote de redução de gastos com folha, nós pretendemos também estruturar uma reforma qualitativa de funcionamento dos órgãos públicos, para que possam produzir com mais qualidade e a um melhor custo”, disse.

Com as medidas adotadas, o Estado passa para um novo momento. O diálogo com os poderes tem a finalidade de apresentar a realidade e demonstrar a importância do envolvimento de todos na busca de soluções conjuntas.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.