Rio Branco, Acre, 22 de janeiro de 2021

Artesãos do Acre participam da Feira Nacional de Artesanato em Minas Gerais

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Por Redação Juruá Em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O artesanato do Acre é destaque por onde passa. Desta vez, está em exposição na Expominas, centro de eventos em Belo Horizonte (MG), na 31ª Feira Nacional de Artesanato. A secretária de Estado de Empreendedorismo e Turismo, Eliane Sinhasique, destaca a importância da presença dos artesãos acreanos no evento.

Produtos do Acre em exposição na Feira Foto: Cedida

“Nosso artesanato é riquíssimo, muito valioso no mercado nacional e internacional e o contato dos artesãos com a clientela é fundamental para negociações, de modo que possam mandar seus produtos para outros lugares do Brasil e do mundo”, observou a secretária.

A artesã do Acre, Regina Maia, fechou encomenda com a empresa Tok Stok – para a fabricação de 80 peças luminária pendente em crochê. “As feiras que participamos geram oportunidades de negócios para o artesanato acreano”, comemorou a artesã.

Regina Maia, artesã do Acre na Expominas Foto: Cedida

De acordo com Suelany Paiva, coordenadora de Artesanato da Secretaria de Empreendedorismo e Turismo do Estado, com a pandemia, os artesãos estavam sem oportunidade para vender seus produtos devido ao isolamento social e às dificuldades com entrega devido ao alto custo do frete. Mas a feira, única exposição de que os artesãos participaram neste ano, tem propiciado um bom retorno: “O nosso estande tem sido bem procurado desde a abertura do evento”, relata Suelany.

A Expominas teve início no dia 1º, terça-feira, e segue até o dia 6 presencialmente. Nesta edição, pessoas que não puderem ir ao evento terão a chance de fazer uma visita virtual à feira por meio de uma plataforma inovadora e interativa, por meio da qual será possível conhecer os trabalhos e entrar em contato diretamente com os expositores.

Cada estande será registrado com imagens, formando uma visão 360º de todo o evento. Será uma gravação real da feira, assim como é feito, por exemplo, no Google Street View, propiciando que o visitante tenha a sensação de estar realmente passeando no local.

A feira virtual vai indicar os contatos para que a compra ocorra direto com o artesão, sem intermediários ou taxas. Além de disponibilizar os produtos por 12 meses, a plataforma servirá também para prospecção no mercado internacional.

De acordo com Suelany, na edição anterior da Expominas, os artesanatos acreanos tiveram destaque e fizeram um faturamento total de mais de R$159 mil, garantindo o primeiro lugar em vendas e em peças produzidas. Os dados são mensurados e divulgados pelo Ministério da Economia.

Fonte: Agência de Notícias do Acre.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.