Rio Branco, Acre, 27 de fevereiro de 2021

Municípios do Juruá se preparam para vacinação contra Covid-19

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Por Redação Juruá Em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Secretários, coordenadores regionais e servidores do Programa Nacional de Imunização do Sistema Único de Saúde dos sete municípios que correspondem à regional do Juruá – Cruzeiro do Sul, Rodrigues Alves, Mâncio Lima, Porto Walter, Marechal Thaumaturgo, Tarauacá e Feijó – participam de dois dias de capacitação sobre a vacinação contra a Covid-19.

Com o anúncio do governador Gladson Cameli sobre a chegada das primeiras 41 mil doses do Coronavac, produzidas pelo Instituto Butantã de São Paulo, em parceria com o laboratório chinês Sinovac, a capacitação dos municípios foi antecipada para que o mais breve possível haja o início da vacinação.

A capacitação acontece no auditório da Unidade Básica de Saúde da Avenida 25 de agosto.

Nessa primeira etapa serão vacinadas as pessoas consideradas do grupo de maior risco: profissionais da saúde que atuam na linha de frente; idosos, com mais de 80 anos, que vivem em abrigos institucionalizados; além de indígenas aldeados. Nas próximas etapas, a vacinação será estendida para outros públicos.

“O objetivo desses dois dias de capacitação é, principalmente, informar os protocolos dessa vacinação”, explicou Katiana Rodrigues da Silva, Coordenadora Regional de Saúde do Juruá

“Todos servidores da saúde, inclusive secretários municipais de saúde e coordenadores regionais, Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI), estão tomando conhecimento do plano estadual de imunização da Covid-19, Desde o recebimento, aplicação, acompanhamento e monitoramento; enfim, de todas as ações que envolvem a imunização. Também estão recebendo informações sobre a forma de trabalho, a composição da vacina, via de administração, possibilidades de eventos, como serão informadas as doses; todos os detalhes do programa”, explicou Janaína Negreiros – Enfermeira do Programa Nacional de Imunização.

Quem, efetivamente, fará a vacina chegar até os destinatários serão os municípios. Até serem aplicadas, as vacinas recebem cuidado e atenção por parte de toda cadeia de distribuição. Os municípios estão preparados para a tarefa, possuindo rede fria para estoque e distribuição das vacinas.

“Isso e tudo muito novo e rápido. Esperamos receber a vacina amanhã pela parte da manhã. No primeiro momento virá fracionada de acordo com os grupos prioritários da campanha, em baús frigoríficos para manter a qualidade e temperatura de segurança biológica. Será escoltada até posterior distribuição. São mobilizadas muitas pessoas para que a vacina chegue o mais rápido possível e possamos distribuir”, disse Danila Pinheiro, responsável regional pelo PNI.

Segundo Danila, o Coronavac é similar com a vacina da gripe Influenza, recebendo o mesmo tipo de tratamento: “temos rede de frios preparada para estocar e distribuir para as secretarias. As doses deverão ficar guardadas em ambiente de 2oC a 8oC, transportadas em caixas térmicas que mantenham essa temperatura. Assim que abertas deverão ser administradas imediatamente”, explicou.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.