Rio Branco, Acre, 7 de março de 2021

Polícia Civil prende cinco por tráfico, furto e estupro em Tarauacá

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Assessoria.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

A Polícia Civil, no município de Tarauacá, coordenada pelo delegado Valdinei Soares prendeu nas últimas horas cinco criminosos envolvidos em diversos crimes. As prisões foram em decorrência de mandados de prisão e mandados de busca e apreensão, emitidos pelo Poder Judiciário.

Em uma das diligências, a Polícia Civil ao cumprir um mandado de busca e apreensão, prendeu em flagrante pelo crime de tráfico de drogas A.C.V., na Zona Urbana do município.

Ao flagrantear, os policiais descobriram que contra o homem pesava um mandado de prisão pelo crime de homicídio.

Em outra ação, os agentes cumpriram um mandado de prisão na comunidade Taquari, nas imediações da BR 364.

Nesta investida policial foi preso um homem das iniciais M.D.S., condenado pela justiça a 11 anos de prisão em regime fechado pelo cometimento do crime de estupro.

Poucas horas depois a equipe policial prendeu M.A.S. no bairro Corcovado, Zona Urbana de Tarauacá.

Contra o homem pesava um mandado de prisão, emitido pela justiça acreana por ele ter cometido no passado o crime de estupro de vulnerável.

Nesta esteira, por meio de denúncias anônimas, os policiais receberam a informação de que dois homens de posse de arma de fogo estariam furtando gado nas proximidades do Rio Acuraua na BR 364.

Diante das informações, os policiais prenderam J.O.C. e V.A.S, por posse ilegal de arma de fogo. Ambos também irão responder pelo crime de Abigeato (furto de gado).

Todos os presos foram levados à presença da autoridade policial da delegacia de Tarauacá, e após as formalidades legais, encaminhados ao presídio Moacir Prado, onde aguardarão decisão do Poder Judiciário acreano.

Nas últimas semanas, o número de prisões tem aumentado de forma considerável nos municípios acreanos. Isso decorre da política adotada pelo governador Gladson Cameli, que tem priorizado a Segurança Pública em seu governo.

Nos últimos meses, foram contratados 250 servidores para a Polícia Civil, sendo delegados, agentes e escrivães fato que fortaleceu as investidas da Polícia Civil do Acre.

Esse aumento de efetivo tem resultado em operações rotineiras da polícia judiciária acreana, tirando de circulação criminosos de alta periculosidade social. Outra diretriz adotada pelo governo é a prevenção, ou seja, a antecipação policial nas ações das organizações criminosas, o que vem dando resultados positivos à sociedade.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.