Rio Branco, Acre, 27 de fevereiro de 2021

Sargento da PM é feito refém com a família e alerta sobre ataque de facções a agentes da segurança

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá em Tempo
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O presidente da Associação dos Militares do Acre (AME/AC), sargento Kalyl Moraes, foi vitima de assalto e feito refém durante algumas horas, na manhã do último dia 13.

Os assaltantes tomaram primeiramente a esposa do militar como refém quando esta saía para o trabalho. Duas armas foram apontada para a cabeça da mulher e, após, seguiram para o interior da casa onde se encontravam Moraes e os filhos. O sargento foi amarrado e a todo momento recebia ameaça de morte na frente dos filhos e esposa.

De acordo com o militar, existe orientação das facções do estado para atacar operadores de segurança pública em busca de arma e para a população o objetivo é obter pertences para que possam ser vendidos com facilidade no mercado negro e financiar outras atividades criminosas.

Notícias da Hora

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.