Rio Branco, Acre, 23 de abril de 2021

Variante de Manaus foi responsável por 77% das infecções na Grande SP

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Um estudo realizado pelo laboratório Dasa, com a parceria do Instituto de Medicina Tropical da Universidade de São Paulo (IMT/USP), mostra que a variante P1 do novo coronavírus , a cepa de Manaus, foi responsável por 77% das infecções na Grande São Paulo.

A pesquisa utilizou os resultados de 91 testes RT-PCR que possibilitaram identificar a alta porcentagem na detecção da cepa P.1 do vírus SARS-CoV-2.

Segundo o laboratório Dasa, o estudo revela que a variante é ” altamente transmissível ” e, por isso, é importante seguir as medidas de distanciamento social.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.