Rio Branco, Acre, 20 de junho de 2021

Acre tem quase 2,5 mil pessoas procuradas pela Justiça, revela CNJ

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) mostram que o Acre tem 2.679 mandados de prisão em aberto. Destes 2.428 são considerados procurados e 251 foragidos do sistema prisional.

O número mostra a necessidade de se fortalecer a Polícia Civil ainda mais, principalmente no tocante ao grupo de capturas e cumprimento de mandados.

Das 8.530 pessoas detidas no Acre, sob custódia do Estado, 3.295 são presos provisórios, ou seja sem condenação definitiva. O número assusta e alerta para necessidade de um mutirão por parte do Judiciário para acelerar a análise desses custodiados.

Outros 1.491 reeducandos cumprem pena em regime de execução provisória. Ou seja, quando a decisão ainda cabe recurso em outras instâncias do Judiciário.

Apenas 3.730 cumprem condenação definitiva nos presídios do Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen).

Seis pessoas, até o momento, estão presas em delegacias do Estado aguardando transferência ou audiência de custódia.

Com informações do Notícias da Hora.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.