Rio Branco, Acre, 19 de junho de 2021

Dono da Louis Vuitton passa fundador da Amazon e vira o mais rico do mundo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Com informações do G1.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O francês Bernard Arnault, diretor-executivo do grupo LVMH (Louis Vuitton Moët Hennessy), tornou-se novamente o homem mais rico do mundo nesta segunda-feira (7), segundo o ranking de bilionários da revista Forbes.

O dono do grupo que reúne marcas de luxo, como Louis Vuitton e Dior, acumula fortuna de US$ 191,1 bilhões. O empresário de 72 anos ultrapassa, assim, o fundador da Amazon, Jeff Bezos, que detinha o posto de liderança com US$ 186,2 bilhões.

É a segunda vez que Arnault assume a ponta do ranking da Forbes. O mesmo aconteceu no fim de maio, mas o francês foi logo ultrapassado por Bezos. O americano reassumiu a ponta no mesmo dia.

A variação aconteceu tão rápido porque a Forbes mede a fortuna estimada de acionistas das grandes empresas ao redor do mundo. A variação da cotação das ações, portanto, impulsiona e derruba o patromônio de bilionários muito rapidamente.

Inclusive, como as bolsas de valores europeias abrem mais cedo que as americanas, a fortuna de Arnault se move primeiro. Foi o que aconteceu no dia 24 de maio: depois da abertura de mercado nos EUA, o fundador da Amazon já estava de volta ao topo do ranking com a valorização da empresa no pregão.

Ainda assim, o evento foi um marco. De acordo com a Forbes, foi primeira vez que um europeu alcançou o topo da lista da Forbes desde outubro de 2015, quando o espanhol Amancio Ortega, do grupo Inditex, dono da Zara, ultrapassou o líder Bill Gates.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.