26 C
Juruá
sexta-feira, agosto 19, 2022

Após ser destituído da direção do UB, Alan Rick toma medidas judiciais

Por Redação O Juruá em Tempo

O deputado federal Alan Rick (União Brasil) lançou uma nota pública nesta quinta-feira (4) para se posicionar sobre sua destituição da direção estadual do partido pelo senador licenciado Marcio Bittar, que é presidente da sigla.

Diversas outras lideranças ligadas ao deputado também foram destituídas de seus cargos. A situação entre os grupos pode impossibilitar a escolha do nome de Alan para ocupar a vaga de vice na chapa do Progressistas, encabeçada pelo governador Gladson Cameli.

“Nesta quarta-feira, fui surpreendido com minha destituição e de vários outros membros da executiva estadual do União Brasil por ação coordenada pelo senador licenciado Márcio Bittar, atual presidente estadual da legenda”, disse em nota.

“O povo do Acre me conhece. São quase 8 anos de serviços prestados na educação, na saúde, segurança pública, produção rural, infraestrutura e tantas outras áreas, sempre buscando melhorar a qualidade de vida da população dos 22 municípios acreanos. Sou autor da Lei do Revalida, que garante a realização semestral do exame que habilita médicos formados no exterior a trabalharem no Brasil. Trabalhei ao lado do governador Gladson Cameli no enfrentamento da Pandemia. E esses são só alguns exemplos dos frutos dos dois mandatos como deputado federal que me foram confiados através do voto”, continuou.

Alan entende que a decisão de Bittar foi tomada de forma unilateral.

“Entendo que a destituição da executiva estadual por decisão unilateral do presidente, o senador Márcio Bittar, ocorreu de forma arbitrária, ilegal e desrespeita o trabalho de todos os envolvidos para a construção do União Brasil no Acre”, acrescenta.

O escolhido de Gladson destacou, por fim, que está tomando todas as medidas judiciais.

“Estou tomando todas as medidas judiciais e politicas cabíveis para reaver o direito de colocar o meu nome para a avaliação do povo, seja como candidato a senador da República ou a vice-govenador. Que o povo escolha! Que Deus nos abençoe”, concluiu.

Com informações ContilNet

error: Alert: O conteúdo está protegido !!