27.5 C
Juruá
segunda-feira, julho 15, 2024

Levando informação, cultura e educação, Rádio Aldeia FM completa 21 anos de história

Por Andreia Nobre.

- Publicidade -

Com uma programação musical bem peculiar, que valoriza a Música Popular Brasileira (MPB), levando informação de qualidade e com uma nova grade de programação, a Rádio Aldeia FM, nesta segunda-feira, 24, completa 21 anos de criação.

Integrante do Sistema Público de Comunicação do Acre e da Fundação Aldeia de Comunicação (Fundac), a Aldeia FM nasceu em 2003, com a proposta de transmitir comunicação, cultura e educação ao povo acreano, exaltando as especificidades locais e a Floresta Amazônica.

Sede da Aldeia FM em Rio Branco. Foto: Diego Gurgel/Secom

O taxista José Carvalho conta que sempre escuta a Rádio Aldeia quando está no seu carro. “Eu gosto da Aldeia, porque toca músicas antigas da época da nossa juventude, músicas da Bossa Nova, que têm letras bonitas e fazem a gente viajar no tempo”, declara.

José de Carvalho gosta de ouvir a rádio enquanto trabalha no táxi. Foto: Diego Gurgel/Secom

Para a secretária de Comunicação, Nayara Lessa, a Rádio Aldeia segue fortalecida e mantém as suas raízes vivas no decorrer desses 21 anos. “Eu quero reconhecer toda a dedicação da equipe da Rádio Aldeia, que tem se esforçado diariamente para cumprir o seu propósito de levar comunicação, cultura e educação com credibilidade à população das cidades e comunidades mais isoladas do Acre”, destaca a titular da Secom.

Nayara Lessa, secretária de Comunicação, destaca o trabalho da equipe da rede de rádios Aldeia. Foto: Neto Lucena/Secom

Segundo o diretor da Rádio Aldeia, Floriano Oliveira, a rádio possui responsabilidade social. “É um compromisso nosso de levar a informação de qualidade, sempre checada e realizar o serviço de utilidade pública. Temos avançado muito e a nossa expectativa é de continuar avançando”, declara.

Floriano Oliveira reafirma o compromisso social da rádio. Foto: Diego Gurgel/Secom

A programação da emissora alcança mais de 700 comunidades isoladas, fora o público que escuta a programação da rádio nas seis cidades do Acre que possuem unidades da Aldeia. São elas: Rio Branco (FM 96,6); Brasileia (FM 90.3); Xapuri (FM 89.5); Sena Madureira (FM 105.9); Feijó (AM 1.170kHz); Tarauacá (FM 95.5) e Cruzeiro do Sul (FM 107.9).

Imagem aérea da Rádio Aldeia, localizada na Rua Rui Barbosa, no centro de Rio Branco. Foto: Pedro Devani/Secom

Cada unidade da rádio em municípios do estado transmite uma programação local e também a programação em cadeia, veiculada simultaneamente em todas as rádios públicas do Acre. O ouvinte também pode acessar a programação da Rádio Aldeia FM de Rio Branco (96,9 FM) de qualquer lugar no mundo, no endereço eletrônico:http://aldeiafm.ac.gov.br/.

Frequência da rádio Aldeia FM de Rio Branco. Foto: Diego Gurgel/Secom

A jornalista Celis Fabrícia chegou em 2004 à Rádio e TV Aldeia, quando ainda era estagiária. No decorrer desses 20 anos atuando na emissora, Celis teve ascensão profissional, tornou-se servidora pública efetiva e hoje integra a equipe da rádio, sendo a primeira mulher a apresentar o programa Gente em Debate ao lado de Damião Viana, que é transmitido em cadeia estadual nas rádios Aldeia FM e Difusora AM.

“Eu sou muito feliz e grata a Deus por poder estar no mesmo lugar em que comecei a trabalhar, há 20 anos. Nesse período, venho sempre me dedicando ao máximo para fazer o melhor pela comunicação pública do Acre. Desejo sucesso e vida longa à Rádio Aldeia”, declara Celis.

Celis Fabrícia é uma das profissionais da Aldeia.  Foto: Diego Gurgel/Secom

Integração jornalística

Em maio de 2024, as rádios públicas Aldeia FM e Difusora Acreana AM passaram por uma reestruturação na grade de programação, com a integralização dos seus seus programas jornalísticos. A inovação veio com o objetivo de otimizar as equipes e alcançar um público maior em todo o Acre.

Equipe do programa Bom dia Aldeia durante um dos programas. Foto: Diego Gurgel/Secom

“O projeto de integração das rádios foi implantado para otimizar a atuação dos profissionais que existem nas duas emissoras e para que a gente pudesse fazer um jornalismo com mais conteúdo, agilidade e dinamismo”, declara o coordenador de Jornalismo das rádios, Jefson Dourado, explicando que a iniciativa fez com que as ações do governo encontrassem maior abrangência entre o público acreano.

Jefson Dourado comandou a reestruturação de jornalismo das rádios. Foto: Diego Gurgel/Secom

Na grade de programação das rádios, os programas veiculados em cadeia estadual são: Bom dia Aldeia; apresentado por Floriano Oliveira e Jefson Dourado, que vai ao ar das 7h às 8h; o programa Gente em Debate, apresentado por Damião Viana e Celis Fabrícia, das 10h às 12h; e o programa Lance Esportivo, apresentado pelo jornalista Alberto Casas, das 12h às 13h. Já o programa Shane Hui: a Voz da Aldeia, apresentado por Nelson Liano, é veiculado aos sábados a partir das 8h30, apenas na capital.

Equipe técnica e de apoio da Rádio Aldeia FM da capital. Foto: Diego Gurgel/Secom

História

A Rádio Aldeia foi ao ar pela primeira vez no dia 24 de junho de 2003, pela frequência 96.9 FM, a partir de Rio Branco, em cadeia com outras cinco emissoras sediadas no interior, todas estabelecidas e mantidas pelo poder público. O objetivo do projeto era construir um veículo de comunicação pautado pela educação e cultura.

- Publicidade -
Copiar