PF começa perícia em prédio do Ifac que teve pavilhão consumido pelo fogo

Uma equipe da PF foi para Cruzeiro do Sul para fazer a perícia no prédio do Instituto Federal do Acre (Ifac), que teve parte consumida pelo fogo na terça-feira (30).

Na manhã desta quinta-feira (2), os peritos da PF, que saíram de Rio Branco, coletaram material e fizeram uma investigação no local para produzir o laudo que deve apontar a causa e origem do incêndio.

O trabalho de apuração dos peritos foi acompanhado pelo comando do Corpo de Bombeiros e pela direção do Ifac. A equipe da PF fez vistoria nas salas afetadas pelo fogo e nos resíduos dos equipamentos consumidos pelas chamas.

“Vamos fazer uma comparação de como o prédio era, com imagens antigas, para verificar a localização das peças, dos possíveis iniciadores do incêndio e, em última instância, apurar se foi um incêndio criminoso ou acidental”, disse o perito Roberto Ferraz.

Pavilhão do Ifac foi completamente consumido pelo fogo em Cruzeiro do Sul — Foto: Rodrigo Marciente/Arquivo pessoal
Pavilhão do Ifac foi completamente consumido pelo fogo em Cruzeiro do Sul — Foto: Rodrigo Marciente/Arquivo pessoal

De acordo com a PF, o laudo deve ser concluído em um prazo de 30 dias. Além de coletar material, a equipe também ouviu servidores e a direção do Ifac.

“Não existe expectativa de muito tempo para concluir esse laudo, mas vamos precisar ter acesso aos documentos do prédio e ao máximo de informações para tentarmos entender cientificamente o que aconteceu. Estamos no início do exame e ainda não há nenhuma evidência específica e conclusiva até esse momento”, explicou o perito.

Prejuízo ultrapassa R$ 1,5 milhão, segundo direção do Ifac — Foto: Rodrigo Marciente/Arquivo pessoal
Prejuízo ultrapassa R$ 1,5 milhão, segundo direção do Ifac — Foto: Rodrigo Marciente/Arquivo pessoal

Um pavilhão do Ifac foi destruído pelo incêndio. No local ficavam as salas de música, atendimento, dos professores, diretor, além do almoxarifado. A direção da unidade estima que o prejuízo ultrapasse R$ 1,5 milhão.

No momento do incêndio os alunos estavam em sala de aula e havia servidores no local atingido pelo fogo, mas o prédio foi evacuado rapidamente e não teve nenhuma vítima.

Perícia no Ifac vai ser feita pela PF e laudo deve demorar 30 dias para ficar pronto — Foto: Jhonathas Fabrício/Rede Amazônica Acre

Perícia no Ifac vai ser feita pela PF e laudo deve demorar 30 dias para ficar pronto — Foto: Jhonathas Fabrício/Rede Amazônica Acre