Rio Branco, Acre, 21 de abril de 2021

Governo monta estrutura para evitar a disseminação do coronavírus nos abrigos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Com informações da Agência de Notícias do Acre.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Além da pandemia da Covid-19, o Acre enfrenta a cheia dos rios, ocasionando um cenário calamitoso, com  dezenas de famílias desabrigadas. Para garantir a saúde daqueles que precisam ficar em abrigos, o governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), montou estruturas adaptadas para evitar a disseminação do coronavírus.

As ações de engenharia tornaram-se, na atual situação, um pouco mais complexas, pois, além dos números, cálculos e outras características da área, há que se ter o cuidado de manter o distanciamento social para preservar vidas. Assim, a logística de planejamento e construção dos abrigos é diferente.

Por exemplo, entre um bloco e outro, cada um ocupado por uma família, a distância é de dois metros. Além disso, o uso de máscara e cumprimento das medidas de prevenção ao vírus é fiscalizado para evitar que,  além do transtorno de não estar no conforto do lar, os cidadãos ainda sejam acometidos pela Covid-19.

Assim, nesta terça-feira, 23, a equipe de Vigilância Sanitária da Sesacre esteve em visita no abrigo que fica no Parque de Exposições, em Rio Branco.

“Estamos fazendo uma vistoria e observamos que está tudo perfeito, dentro das normas: uso de máscara, álcool em gel, limpeza dos banheiros frequente, a farmácia bem adequada, restaurante dentro do padrão. Tudo no seu devido lugar”, destacou o chefe dos fiscais sanitários, Carlos Souza.

Além disso, o Estado conta com a parceria da Vigilância Sanitária Municipal de Rio Branco, que, somando forças, é responsável pela fiscalização do cumprimento dos protocolos dentro dos abrigos.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.