Rio Branco, Acre, 23 de abril de 2021

Pandemia aumenta em quase 13% queixas no Procon do Acre

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá em Tempo
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

A pandemia movimentou os órgãos de defesa do consumidor no Acre, apesar das restrições impostas pelas bandeiras de risco da Covid-19.

De acordo com o Procon, em 2019 o órgão recebeu 10.001 reclamações envolvendo relações de consumo entre atendimentos presenciais, disk denúncia, e-mail ou pelo portal consumidor.gov.br.

Já no ano de 2020 foram aproximadamente 11.249 queixas, sendo que deste total 4.322 foram feitas em atendimento presencial. O aumento foi de 12,47% entre um ano e outro.

Segundo avaliação da diretora do Procon no Acre, Alana Albuquerque, a pandemia ocasionou uma mudança drástica na vida de todas as pessoas, inclusive a mudança de paradigma nas relações de consumo e no comportamento dos consumidores no momento de adquirir ou contratar produtos e serviços.

“Houve uma procura maior de compra no formato digital, por exemplo, o que ensejou novas preocupações ao Poder Público como evitar fraudes, endividamentos e orientações de consumo sustentável. Tudo isso, associado às variações de mercado, culminou com o aumento das demandas, o levou ao Instituto Procon implementar novas medidas e utilização de ferramentas tecnológicas alternativas para garantir o atendimento e a devida assistência aos consumidores do nosso Estado”, disse Alana ao ac24horas.

Com informações Ac24horas

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.