Rio Branco, Acre, 20 de junho de 2021

Governo sanciona lei que estabelece pagamento de bolsas de estudo a servidores de escolas integrais

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Mais uma importante conquista foi assegurada pelo governo do Estado Acre aos servidores da Educação. Nesta terça-feira, 8, o governador Gladson Cameli homologou a lei complementar nº 383/2021, instituindo, em caráter definitivo, o pagamento mensal de uma bolsa de incentivo ao estudo, pesquisa e aprimoramento aos profissionais que atuam nas escolas estaduais de ensino em tempo integral.

A medida beneficiará 429 servidores das 14 unidades escolares com esse modelo de aprendizagem. Cada gestor receberá uma bolsa de estudos no valor de R$ 1.600. Já os professores ganharão R$ 800 e trabalhadores de apoio administrativo R$ 400.

Durante a solenidade realizada no Palácio Rio Branco, o governador Gladson Cameli afirmou que sua administração tem se esforçado na valorização dos servidores públicos. No caso dos profissionais da Educação, o gestor lembrou da relevância de cada um deles na construção de um estado cada vez melhor e com mais oportunidades para todos.

“Eles são os nossos mestres e merecem total respeito e reconhecimento pelo serviço que prestam para a sociedade. Temos tratado a Educação com prioridade e estamos buscando atender as suas principais demandas, assim como estamos fazendo o possível para melhorar as condições de trabalho dos nossos servidores”, destacou Cameli.

De acordo com a secretária Socorro Neri, o governo do Estado está empenhado na melhoria constante do ensino público acreano. Para alcançar a meta, a titular da Educação lembrou que o investimento nos servidores é fundamental.

“É um incentivo muito justo para que esses profissionais possam estudar e se dedicar mais ainda na consolidação das escolas em tempo integral, de modo a continuarmos fazendo o possível para garantir o direito à aprendizagem”, salientou.

Presente ao ato, o deputado estadual e líder do governo na Assembleia Legislativa, Pedro Longo, parabenizou Cameli pelo reconhecimento dado aos profissionais da Educação. “É uma conquista definitiva que o governo, juntamente com o apoio da Assembleia, garante para esses servidores enquanto o ensino integral existir no Acre”, esclareceu.

Laura Geane de Oliveira, gestora da Escola Jovem Integral Glória Perez, explica que a rotina dos trabalhadores do ensino integral é diferente da educação tradicional e que o recebimento da bolsa sem o risco de interrupções é uma vitória para a classe.

“É um momento ímpar e de muita gratidão. Nós, que somos das escolas de tempo integral, sabemos da demanda de trabalho durante as nove horas diárias. A incerteza que tínhamos todos os anos sobre o corte da nossa bolsa agora não existe mais. Com isso, nos sentimos muito valorizados”, comemorou.

A solenidade contou ainda com a presença do secretário da Casa Civil, Flávio Silva; do primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, deputado estadual Luiz Gonzaga; gestores das escolas de ensino integral e de diretores da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes.

  • Com informações da Agência de Notícias do Acre.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.